Seja bem-vindo(a) ao nosso novo portal! Ajude-nos a deixá-lo ainda melhor enviando a sua opinião. Clique aqui.
Notícias da diocese › 24/10/2018

Encontro fraterno anima padres ordenados a partir de 1966 até 1999

Os padres da Diocese de Uruaçu ordenados a partir de 1966 até 1999, se encontraram no dia 23 de outubro, com o bispo diocesano, Dom Messias dos Reis Silveira, na Residência Episcopal. Aquele foi um momento de reflexão, partilha e confraternização do grupo. Segundo Dom Messias, durante o encontro, os presentes usaram um bom tempo refletindo sobre o sustento e o alimento de sua vocação sacerdotal. “Eles falaram sobre suas primeiras inquietações vocacionais, desde o ingresso no seminário, passando pela ordenação presbiteral e o cotidiano da vida sacerdotal”, disse o bispo.

Dom Messias ficou contente em ver no olhar, nas expressões e atitudes dos sacerdotes que, embora eles tenham sido ordenados há 30 anos e alguns há quase 20 anos, eles são felizes em seu ministério. “São sacerdotes experimentados na cruz, na alegria do ministério e do anúncio alegre do Evangelho testemunharam que estão felizes como presbíteros na nossa amada Diocese de Uruaçu”.

Os padres relataram que foi e continua a ser marcante em seu ministério, a família, o seminário, a vida de oração, a própria ordenação e o dia a dia do ministério presbiteral, como também o contato, o anúncio e a vivência da palavra de Deus, além do testemunho, a convivência e a fraternidade. “Eles têm um amor profundo pelo sacerdócio e cultivam com alegria a fidelidade pela diocese que estão a serviço”, comentou Dom Messias.

Oração e partilha
No momento de oração e reflexão da palavra de Deus, eles leram o Evangelho de João (21,15-20) em que Jesus perguntou a Simão Pedro se ele o amava mais do que aqueles que ali estavam. Pedro, por sua vez, respondeu que sim, que Jesus como Senhor sabia que Pedro o amava mais. Em seguida, o Senhor pediu para ele apascentar suas ovelhas. A leitura termina com Jesus dizendo que quando eras mais moço, cingias e andavas aonde querias. Mas, quando fores velho, estenderás as tuas mãos, e outro te cingirá e te levará para onde não queres. Dom Messias disse que este foi um momento muito bonito da reunião que se desdobrou em muitas reflexões interessantes e proveitosas para o grupo de sacerdotes.

Depois da reunião, os padres tiveram um momento de confraternização e de descontração. “Eles gostaram muito e demonstraram ter ficado mais animados e até foi sugerido outros encontros e um possível passeio juntos. Fiquei muito feliz de ver a felicidade dos padres em servir a Igreja de Jesus. Depois almoçamos juntos e sentimos que esta vida de fraternidade sacerdotal está sendo construída de forma edificada e esta união dos irmãos sem dúvida ajuda a todos”, completou o bispo.

Setor de Comunicação Diocesano


Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.