Seja bem-vindo(a) ao nosso novo portal! Ajude-nos a deixá-lo ainda melhor enviando a sua opinião. Clique aqui.
Notícias da diocese › 18/04/2015

Vivência da 53ª Assembleia Geral da CNBB

53a AGDesde terça feira, nós os Bispos do Brasil estamos reunidos aqui em Aparecida, aos pés de nossa Mãe amada, buscando os rumos para a nossa caminhada eclesial. Somos muitos Bispos aqui reunidos e entre nós há Cardeais, Arcebispos, Bispos Diocesanos, Coadjutores, Auxiliares e Eméritos. A convivência é muito agradável e o clima é de muito respeito, fé e esperança.

Nosso dia começa com a celebração da Santa Missa com Laudes, na Basílica Nacional de Nossa Senhora. Após a celebração nos deslocamos numa bela e descontraída caminhada até o Centro de Eventos Pe. Vítor Coelho, onde acontecem o restante de nossos trabalhos. A hospedagem é realizada no Hotel Rainha do Brasil. O deslocamento até a Basílica e Centro de Eventos se dá através de ônibus e alguns irmãos preferem ir à pé, pois não é tão longe. Todos esses momentos facilitam a convivência. Somos uma Igreja bonita e com muitas diversidades neste imenso País. Aqui se pode perceber com clareza essa realidade. Entre nós há também alguns irmãos Bispos de Ritos Orientais de comunhão com o Papa, como é o caso dos Maronitas, Armênios e Ucranianos. Todos estamos conscientes que somos aqueles que dirigimos a Barca de Pedro no mar brasileiro. Cristo está na Barca.

A nossa Assembleia foi instalada solenemente na quarta feira. Neste mesmo dia ouvimos o relatório das realizações da Presidência que está encerrando o quadriênio para o qual foi eleita. Tivemos também a oportunidade de ouvir uma aprofundada análise de Conjunturas Social e Eclesial. Essas análises nos ajudaram a sintonizarmos na realidade na qual estamos vivendo. Neste mesmo dia foi introduzido o tema central que é a readaptação das atuais Diretrizes da Ação Evangelizadora no Brasil. Essas Diretrizes vencem neste ano e no ano passado decidimos não fazermos novas Diretrizes, mas rever as atuais  acrescentando as novidades da Igreja que surgiram nos últimos tempos. Esse tema Central ocupou bastante tempo e já se encontra na fase conclusiva.

Existe uma Comissão para os Textos Litúrgicos que está encarregada de preparar o novo Missal. Foram apresentados os textos que já foram revistos e prevê-se que dentro de uns dois anos possa ser concluído esse trabalho. Desta forma estando pronto e aprovado pela Santa Sé teremos o novo Missal mais, ou menos em 2017.

Um estudo sobre os Cristãos Leigos e Leigas também foi apresentado solicitando as nossas contribuições. Os grupos se reuniram com o intuito de colaborarem com o tema. Este estudo é importante, pois o Cristão leigo tem uma missão especial que lhe é confiada no seio da Igreja.

Os 18 Regionais da CNBB se reuniram para estudar sobre sua identidade e missão. O que se pretende é buscar uma compreensão de que não basta ter um líder nacional, mas é preciso que exista uma rede de vivência e testemunho. Os Regionais são lugares especiais deste testemunho de fraternidade, unidade e missão.

Estamos buscando um aprofundamento sobre a realidade do dízimo no Brasil e por esse motivo os grupos se reuniram para dar contribuições para a comissão encarregada de trabalhar este tema. As Dioceses esperam uma colaboração neste sentido.

Também elaboramos e aprovamos algumas  mensagens e cartas para serem enviadas ao Papa Francisco, ao Papa Emérito, Bento XVI,  para o Prefeito da Congregação para os Bispos e para os Consagrados, uma vez que estamos vivendo o ano da Vida Consagrada.

Foi nos apresentado um informe como está a situação econômica da CNBB. O que se percebe é que está sendo bem administrada. Ouvimos também sobre a celebração dos 300 anos de encontro da imagem de Nossa Senhora  Aparecida. Associado a essa realidade jubilar foi lançado o Projeto 300 anos de bênçãos: com a Mãe Aparecida, juventude em Missão, que visa envolver a juventude na evangelização enquanto a imagem de Nossa Senhora visitará as Dioceses no Brasil.

Um momento muito esperado por todos nós Bispos é o nosso retiro espiritual. No meio de nossos trabalhos fazemos uma pausa para rezar. Ouvimos exortações, fazemos orações, meditações individuais e realizamos a nossa confissão sacramental. Trata-se de um momento de grande leveza e de profunda espiritualidade para todos nós.

O Brasil já se prepara para celebrar o XVII Congresso Eucarístico Nacional que vai acontecer em agosto de 2016, em Belém no Pará. Fomos informados dos preparativos e convidados a já fazermos nossas inscrições para participarmos.

Um momento muito significativo que realizamos aqui foi a seção solene de comemoração dos 50 anos do Concílio Ecumênico Vaticano II. Estiveram presentes irmãos de outras religiões cristãs. Foram feitas algumas reflexões muito profundas que nos ajudaram muito. Contemplamos os frutos do Concílio e os desafios.

Assim vai se desenvolvendo nossa Assembleia. Na segunda feira daremos início às eleições para a Presidência da CNBB, Presidência das Comissões Pastorais, representante do episcopado no Sínodo a se realizar em outubro no Vaticano. Também elegeremos o nosso representante junto ao CELAM (Conferência Episcopal Latino Americana). Ainda na segunda feira será realizada a eleição para a nova Presidência do Regional Centro Oeste para o período de 2015 a 2019.

Muitas pessoas tem nos enviado notícias de que estão rezando por nós. Saber que estamos sendo acompanhados pelas orações do povo brasileiro nos alegra.

A nossa Assembleia vai se estender até o dia 24 de abril quando com alegria concluiremos este grande e importante evento eclesial. Sabemos que o povo brasileiro, especialmente os católicos acompanham com ardor os nossos trabalhos. Assim temos consciência de que a Assembleia é realizada não só por nós que aqui estamos, mas por todos que de alguma forma são envolvidos neste ambiente eclesial.

Dom Messias dos Reis Silveira

Bispo de Uruaçu

Presidente do Regional Centro Oeste


Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.